O misticismo barato

A tempo ofereço conteúdo sobre filosofia prática, mais conhecida como maçonaria, preocupado em não mistificar as coisas.

A cada dia, porém, me deparo com coisas estranhas. Sou um cultor do conhecimento e tenho provas disso através de diplomas reconhecidos civilmente pelo Governo e não as lorotas que encontro por aí.

Já estive em vários lugares “místicos” e jamais cheguei aqui com as asneiras de ter “recebido” uma carta “patente” de fulano ou beltrano. Resisti até mesmo em empenhar no atual projeto de ofertar formação para pessoas interessados, até que um confrade me convenceu. É preciso oferecer Luz, pois se tudo caminhar do jeito que vai a sociedade brasileira, as trevas podem aumentar o suficiente e não haver mais Luz.

Com isso não desejo apagar a ideia de que seja pensar a relação do homem com o inefável. Só acho que isso seja possível sem apelar para a burrice.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Conteúdo autoral!